- Santa Casa Misericórdia Meda

 

Fundada a 20 de Agosto de 1926

 

MISSÃO

Desenvolver,  implementar e promover respostas sociais adequadas à comunidade envolvente

VALORES

Dedicação – Ética -  Responsabilidade Social - Espirito de Equipa

                           

 

Valências

Centro de Apoio a Idosos

 

Lar Dr. Joaquim Nunes Saraiva (1.ª Fase)

 - Capacidade internamento - 60 utentes c/ acordo de cooperação com a Segurança Social.

 Serviços Prestados

  • Cuidados de saúde, higiene e bem-estar;
  • Alimentação
  • Tratamento de roupas;
  • Organização de actividades lúdico-recreativas
  • Serviços Religiosos;

 

Lar -Fase 2

 - Capacidade internamento - 30 utentes  20 dos quais c/ acordo de cooperação com a Segurança Social.

 Serviços Prestados

  • Cuidados de saúde, higiene e bem-estar;
  • Alimentação
  • Tratamento de roupas;
  • Organização de actividades lúdico-recreativas
  • Serviços Religiosos;

  

Centro de Dia

 Esta valência surge de forma a fazer face à necessidade de refeições quentes e a horas certas, e em parte combater também a solidão dos idosos da nossa terra, assim foi decidido pelos dirigentes da Santa Casa da Misericórdia de Meda avançar para a abertura de uma nova valência “ O Centro de Dia”. E assim em 1987 deu-se inicio aos inquéritos junto da população de Meda, a fim de se conhecer a opinião da mesma quanto a esta importante iniciativa. Em 19 de Março de 1988 foi inaugurado. O primeiro acordo de cooperação data de 28/10/1987 e para 30 utentes. Hoje é de 8 utentes

  - Capacidade: 8 utentes c/ acordo de cooperação com a Segurança Social  

 Serviços Prestados

  • Alimentação
  • Organização de actividades lúdico-recreativas
  • Serviços Religiosos;

 

Apoio Domiciliário

 Esta valência começou a funcionar em Junho de 2001 abrangendo também algumas freguesias do concelho de Meda. O primeiro Acordo de Cooperação data de 2001

 - Capacidade: 35 utentes –Acordo de Cooperação só para 25 utentes  

 Serviços Prestados

  • Alimentação
  • Higiene Pessoal
  • Higiene habitacional
  • Tratamento de roupas

 

 Casa de Bem Estar

 - Capacidade de internamento: 30 utentes sem qualquer acordo de cooperação com a Segurança Social.

 Serviços Prestados

  • Cuidados de saúde, higiene e bem-estar;
  • Alimentação Tratamento de roupas;
  • Organização de actividades lúdico-recreativas
  • Serviços Religiosos;

 

Actividade de Tempos Livres (ATL)

Após algumas diligências tidas com o Centro Regional da Segurança Social da Guarda, e responsabilizando-se este pelo pagamento dos vencimentos do pessoal técnico, foi deliberado efectuar todas as alterações necessárias no edifício da Casa dos Pobres, a fim de aí começar a funcionar uma nova valência, o ATL (Actividade de Tempos Livres), que foi inaugurado em 6 de Dezembro de 1984. O primeiro acordo de cooperação com a Segurança Social é celebrado em 10/07/1985, entra em vigor em 01/08/1985 para 100 crianças. Hoje o Acordo é de 49 utentes.

 

- Capacidade: 65 utentes  - Acordo de Cooperação só para 49 utentes  

 

Serviços Prestados

  • Alimentação (Lanche)
  • Acompanhamento nos trabalhos escolares
  • Organização de actividades lúdico-recreativas

 

Cantinas Sociais

Considerando que o XIX Governo Constitucional definiu no seu programa, como um dos seus objectivos estratégicos, um amplo modelo de inovação social, que permitisse dar auxilio e respostas a situações de grave carência social é criado o Programa de Emergência Alimentar, inserido na Rede Solidária de Cantinas Sociais, que permite garantir às pessoas e/ou familias que mais necessitam, o acesso a refeições diárias gratuitas uniu-se a Santa Casa da Misericórdia de Meda a este programa porporcionando assim as devidas refeições aos mais carênciados.

Edital Edital [37 Kb]

Corpos Gerentes

 

Segundo os Estatutos da Irmandade da Santa Casa da Misericórdia de Meda (“Compromisso”), no seu artigo 31º.

 

“São Governo da Santa Casa, e seus Corpos Gerentes, a Assembleia Geral, a Mesa Administrativa e o Definitório.”

 

Assembleia Geral
A Mesa da Assembleia Geral é constituída por quatro elementos efectivos e outros tantos suplentes.

 

A Assembleia Geral é constituída por todos os seus irmãos que estejam no gozo dos seus direitos.

 

Mesa Administrativa
A Mesa administrativa é o órgão executivo, composta por cinco membros efectivos e cinco suplentes.

 

Definitório (ou Conselho Fiscal)
O Definitório é o órgão fiscalizador, composto por três membros efectivos e outros tantos suplentes.

 

 

 

  

 

Situação Actual

 

Assembleia Geral:

 

- Dr. Carlos Alberto Rodrigues Pimentel
- Pe. Basílio Assunção Firmino
- Alberto César
- António Gordinho Vieira

 

 Suplentes:

 

- António Dinis Lourenço
- Fernando Augusto Martins
- António Fernando Pimentel Amado
- Judite do Carmo Esteves Trigo

   

 

 Mesa Administrativa:

 

- Dr. Anselmo Antunes de Sousa - Provedor
- Jorge Adalberto Marques Daniel – Vice - Provedor
- Luis Filipe Branco Lopes - Secretário
- António João do Nascimento - Tesoureiro
- António José Borges Prata - Vogal

 

 Suplentes:

 

- Filipe Dias Martins
- Ernesto Augusto Lourenço 
- José Luís Justino Pires
- Edgar Henriques Pereira
- Carlos Gamboa Sobral

 

Definitório ou Conselho Fiscal:

  

- Carlos Manuel Ferreira Sampaio
- João António Dias
- Palmira Maria Sião Martins carneiro

 

 Suplentes:

 

- Cristina Sofia Ferreira Coelho Sequeira

- Ana Margarete Correia Filipe

- Carlos Bruno Brígida Fial Pereira

 

 

 

HISTORIAL

 

A Santa Casa da Misericórdia de Meda, é uma Associação pública de fiéis constituída na ordem jurídica canónica, tem personalidade jurídica civil e está reconhecida como instituição particular de solidariedade social inscrita no livro das Irmandades das Misericórdias sob o n.º 60/82 fls. 74 e 74 verso, e surge com o objectivo de satisfazer as carências sociais e praticar actos de culto católico, a sua fundação data de 20 de Agosto de 1926. Tem uma história curta, com altos e baixos, como todas as histórias destas instituições, hoje é uma instituição com uma vida activa e está muito florescente, estendendo a sua actividade a um lar de 3.ª idade, com capacidade de noventa utentes e valência de acamados, um Centro de Dia com Apoio Domiciliário e ainda a Actividade de Tempos Livres e sempre vocacionada e pronta a debruçar-se sobre toda e qualquer carência social.

A sua constituição como associação e a aprovação dos primeiros estatutos datam de 29 de Abril de 1929.

Da primeira comissão nomeada a fim de organizar os estatutos pelos quais passaria a reger-se a Santa Casa da Misericórdia de Meda, fizeram parte o Dr. Artur Augusto Pereira de Faria como presidente; Dr. Luís Maria Tavares de Albuquerque que desempenhou o cargo de vice-presidente; secretário o Pe. Ivon Augusto do Santo Brandão; tesoureiro o Pe. Álvaro Gomes dos Santos e como vogal o Dr. Artur de Jesus Tomé.

Existia a trabalhar em paralelo com a Misericórdia a Casa dos Pobres, à frente da qual se encontrava entre outros o Dr. Augusto César de Carvalho. Os primeiros e únicos estatutos Casa dos Pobres datam de 22 de Setembro de 1949, foram aprovados por despacho de 22/09/1949 do Subsecretário de Estado da Assistência Social, e publicados no Diário do Governo 240/2.ª série de 15/10/1949. Aqui funcionava a sopa dos pobres, albergue para velhos e inválidos e um centro materno-infantil.

Em 1961 por despacho de 22 de Março de 1961 do Sr. Ministro da Saúde e Assistência e publicação no Diário do Governo n.º 77 2.ª série de 3 de Abril de 1961, dá-se a integração da chamada Casa dos Pobres na Misericórdia, pois na opinião do Sr. Ministro, era completamente descabida a existência de duas Instituições a trabalhar isoladamente.

A 6 de Maio de 1961 foi efectuada por parte da direcção da Casa dos Pobres à direcção da Santa Casa da Misericórdia a entrega de todos os bens e valores.

Como é do domínio público a determinada altura o Estado, reconhecendo necessidade de se debruçar atentamente sobre a medicina-preventiva, cria, por despacho ministerial, os chamados “Centros de Saúde” que em virtude desta determinação, começam a proliferar por toda a parte, chegando também a vez da vila de Meda.

Por isso a 8 de Outubro de 1971, à falta de instalações próprias e por cedência da Mesa, então em funções, instala-se na dita Casa dos Pobres, já então saturada, os serviços do Centro de saúde.

Situação que se manteve, trazendo atritos para a Misericórdia e provocando desentendimentos constantes entre a mesma e os serviços de saúde, até 1 de Setembro de 1981, data em que entrou em funções o novo e belo edifício do Centro de Saúde, construído com dinheiros Americanos e sob a orientação do Governo Português.

 

A Santa Casa da Misericórdia de Meda teve como primeiro Provedor o Dr. Luís Tavares Albuquerque, natural da freguesia da Coriscada deste Concelho de Meda. Aqui exerceu durante muito tempo as funções de notário, sabendo enfrentar com dignidade as primeiras dificuldades, mas procurando incutir, um certo espírito religioso e caritativo, que sempre presidiu à fundação destas Instituições e esteve patente nos propósitos da rainha D. Leonor, obreira das primeiras Misericórdias, que apareceram em Portugal.

 

O seu mandato estendeu-se até 11 de Março de 1941, seguindo-se no desempenho das mesmas funções, o Dr. Fernando Augusto Alonso, que se manteve à frente dos destinos da Misericórdia até 3 de Junho de 1957, sendo substituído, por António Augusto de Carvalho, que estendeu o seu mandato até 4 de Fevereiro de 1962, seguiu-se o Sr. Claudino Soares Rebelo, Provedor até 19 de Fevereiro de 1967, dando lugar a Adriano da Assunção que esteve à frente da Misericórdia até 29 de Setembro de 1974. Nesta altura desponta no horizonte da vida da Misericórdia, o Padre Urbelino dos Santos Martins Pinto, que com uma visão clara da panorâmica das Misericórdias, soube imprimir um certo dinamismo e calor humano a esta obra que hoje é grandiosa e querida das gentes da Meda, que a acarinham e respeitam como empreendimento mais valioso do Concelho, dedicando-se por inteiro à Instituição até ao dia 21 de Março do ano de 1999.

É empossada nova direcção nesse mesmo dia cuja Mesa Administrativa passou a ser presidida pelo Senhor Provedor Dr. Anselmo Antunes de Sousa que atualmente se mantém e que tomou posse mais uma vez no passado dia 10 de Janeiro do ano de 2014.

Sede- ATL

Sede-  ATL - Santa Casa Misericórdia Meda

Casa de Bem Estar

Casa de Bem Estar - Santa Casa Misericórdia Meda

Secretaria (Lugar do Noval)

Secretaria (Lugar do Noval) - Santa Casa Misericórdia Meda

Lar Dr. Joaquim Nunes Saraiva

Lar Dr. Joaquim Nunes Saraiva - Santa Casa Misericórdia Meda

Lar Nossa Sra de Fátima (Antigas Instalações)

Lar Nossa Sra de Fátima (Antigas Instalações) - Santa Casa Misericórdia Meda

Bairro Social

Bairro Social - Santa Casa Misericórdia Meda

Presepio na Santa Casa

Presepio na Santa Casa - Santa Casa Misericórdia Meda

Presepio 2013